Data : 21/06/2017 Categoria : Sem categoria
conteúdo emocional

Antigamente, os conteúdos publicitários impactavam o público fazendo o uso de personagens, situações e produtos que passavam a ideia de perfeição. Mas isso mudou, hoje esse público busca marcas que sejam próximas de sua realidade, que são humanas o suficiente para fazerem parte do seu dia a dia. E o que existe de mais humano do que as emoções?

A criação de conteúdo precisou se adaptar às novas mídias e ao que o público deseja ver e saber. E as emoções fazem parte disso, as pessoas querem ser envolvidas, querem se sentir parte da história – o que gera mais engajamento com a marca e, consequentemente, mais vendas.

Um ótimo exemplo são as novas reações do Facebook, elas ajudam os usuários a expressarem o que sentem em relação as postagens. Mas como criar um conteúdo emocional que funciona nas mídias digitais? O primeiro passo é conhecer as emoções que você irá usar. Vamos lá?

Alegria
Quem não ama se sentir alegre? Essa emoção pode ser despertada de muitas maneiras, a sensação de nostalgia e memórias familiares são algumas delas. A alegria precisa ser bem trabalhada para não se tornar clichê.

Surpresa
A sensação de surpresa funciona muito bem nas mídias digitais. O segredo é quebrar a expectativa das pessoas, mostrar novas maneiras de fazer algo ou apresentar soluções inovadoras.

Medo
O medo e o suspense criam a expectativa de saber o que irá acontecer depois caso você não reaja. Ele pode ser um gatilho para gerar uma ação do seu consumidor, isso acontece pois o medo desperta a curiosidade do ser humano sobre uma certa situação.

Raiva
Por incrível que parece, a raiva é sim um sentimento que pode ser usado para envolver o público. Mas é a emoção que precisa ser usada com mais cuidado, pois ao apresentar uma situação que causa raiva, você deve também deve expor e solução, para que essa raiva não seja mal interpretada.

Você pode desafiar crenças e ideologias, por exemplo, para que raiva gere curiosidade e prenda a atenção do consumidor. Mas lembre-se de sempre fazer isso mantendo o respeito.

Tristeza
Todo mundo passa por momentos tristes na vida e essa é uma emoção que não pode ser deixada de lado. Assim como a alegria, a tristeza pode ser despertada através de situações comoventes e que possam remeter a algo da vida do seu consumidor.

Toda emoção pode ser seguida de outra, ou seja, você pode misturar as emoções para criar uma história envolvente. Por exemplo, um conteúdo que remete a tristeza pode ter um desfecho feliz.

Mas antes de usar as emoções, é essencial  analisar bem qual sentimento precisa ser despertado para a criação de cada peça e ter a certeza de que funcionará para o tipo de mídia digital escolhida.

 

 

 

 


DEIXE SEU COMENTÁRIO


Receba nossos posts

box-site

frase_maratona_sp_imagem_site

bannersite_frase_socialbase

bannersite_frase__desbloqueio

banner_Ebook_Frase_TI_home3

Copyright © 2015 Frase Conteúdo Estratégico - Todos os direitos reservados.